170208_05_BLOG

ALLAH-LA-Ô, Ô Ô Ô Ô Ô Ô, MAS QUE CALOR… A FOLIA JÁ VAI COMEÇAR, ESCOLHA O SEU BLOCO, E VEM PRA RUA.

Ter que sair de Sampa, pra pular o carnaval é coisa do passado, definitivamente os blocos de rua viraram paixões nacionais e estão espalhados pela cidade toda.

E bloco pra você escolher, não vai faltar, pois só em São Paulo serão 495 bloquinhos pulando pela cidade. Conheça os mais cotados para os dias de folia no asfalto.

TARADO NI VOCÊ

O bloco surgiu da vontade de fazer um Carnaval diferente em São Paulo.

“Mais baiano”, conta Rodrigo Guima, que, com Thiago Borba e Raphaela Barcalla, fundou o cordão carnavalesco batizado com nome de música de Caetano Veloso.

“Só tocamos músicas dele revisitadas com ritmo de samba e afoxé”, afirma Guima.

Neste ano, o ‘Tarado’ e sua banda vão às ruas do centro celebrar os 50 anos de Tropicália com o tema “Tropifagia”, mistura de Tropicalismo com antropofagia.

“Retrata bem o que fazemos com a obra do Caetano: comemos e a cuspimos de alguma forma para a cidade”, diz Guima.

Dia 25/2 (sáb.): 11h. Concentração: esquina da av. Ipiranga com a av. São João

Outros blocos que estão sendo muito esperados são:

EXPLODE CORAÇÃO

Estreando no Carnaval, o bloco homenageia Maria Bethânia.

Dia 28 (ter).: 14h. Concentração r. Barão de Tatuí, 282, Santa Cecília

BICHO MALUCO BELEZA

Alceu Valença traz ritmos do Carnaval de Pernambuco à selva paulistana.

Dia 18 (sáb.): 10h. Concentração perto do portão 9 do parque Ibirapuera

BESTÁ É TU

Com músicas de Novos Baianos e de outros músicos, homenageia nomes da MPB.

Dia 18 (sáb.): 13h. Concentração r. Wisard, 252, Vila Madalena

 

Veja a lista completa de blocos no site da prefeitura de São Paulo, e lembre-se: hidratação é fundamental para curtir o carnaval com muita saúde. Beba muita água e use roupas leves. E é hora de descer do salto e optar por calçados confortáveis, pra pular e se divertir sem se preocupar. Agora é só reunir família e amigos curtir muito com os bloquinhos da cidade.

As informações dos blocos e os horários de concentração foram retirados do site: folha

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *